"Tempo está acabando" em Aleppo, afirma enviado da ONU para a Síria

Damasco, 20 Nov 2016 (AFP) - O enviado especial da ONU para a Síria afirmou neste domingo que o "tempo está acabando" para o leste de Aleppo e expressou a "indignação internacional" com os bombardeios do regime sírio contra as zonas da cidade controladas pelos rebeldes.

Após reuniões em Damasco, Staffan de Mistura confirmou que o regime de Bashar al-Assad rejeitou uma proposta para que os rebeldes administrem de forma autônoma a área de Aleppo que controlam.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos