Trump forma conselho consultivo com pesos pesados de Wall Street

Washington, 2 dez 2016 (AFP) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, que já nomeou vários multimilionários para integrar seu gabinete, anunciou nesta sexta-feira a formação de um conselho consultivo composto por grandes empresários e banqueiros ligados a Wall Street.

A lista de integrantes do chamado Fórum de Estratégia e Política, que ajudará Trump a implementar seu plano econômico, inclui líderes de corporações como Walt Disney, Wal-Mart e IBM, além de um ex-diretor do Federal Reserve (Fed, banco central).

"Este foro reúne líderes de empresas e de negócios que sabem que é preciso gerar emprego e promover o crescimento econômico", declarou Trump em um comunicado.

Trump acrescentou que seu governo "está comprometido em atrair o conhecimento do setor privado e eliminar os nós burocráticos que impedem nossas empresas de contratar, inovar e se expandir".

Este conselho deverá se reunir, pela primeira vez, na Casa Branca no início de fevereiro, sob a direção de Stephen Schwarzman, diretor-gerente do fundo de investimentos Blackstone, que administra ativos totalizando 361 bilhões de dólares.

O conselho terá o máximo dirigente do JPMorgan Chase, James "Jamie" Dimon (que chegou a ser cotado para secretário do Tesouro), Mary Barra (General Motors), Doug McMillon (Wal-Mart) e Kevin Warsh, ex-alto funcionário do Fed.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos