STF suspende Renan Calheiros da presidência do Senado (oficial)

Brasília, 5 dez 2016 (AFP) - O juiz Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, suspendeu nesta segunda-feira do cargo o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), a pedido do partido Rede Sustentabilidade, após virar réu por peculato.

"A medida tem efeito imediato", disse uma assessora do STF à AFP. Segundo a Rede, uma pessoa que enfrenta um processo judicial, como Renan, não pode permanecer na linha de sucessão presidencial.

dw-mel/js/nn/mvv

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos