Avião paquistanês com 37 passageiros 'desaparece' dos radares

Islamabad, 7 dez 2016 (AFP) - Um avião paquistanês com 37 passageiros a bordo, que decolara da cidade de Chitral, norte do país, desapareceu dos radares, anunciou a empresa Pakistan International Airlines.

A aeronave, com 37 passageiros e a tripulação, "desapareceu" quando voava com destino a Islamabad, afirmou o porta-voz da empresa, Danyal Gilani.

"Todos os recursos foram mobilizados para localizar o avião, um ATR-42", afirma um comunicado da companhia.

O policial Saeed Wazir afirmou a um canal de televisão que "um avião caiu e os moradores afirmam que pegou fogo. A polícia e as equipes de emergência estão chegando, mas ainda não estão no local".

O último acidente aéreo importante no Paquistão aconteceu em 2015, quando um helicóptero militar caiu em um vale isolado do norte do país, uma tragédia que matou oito pessoas, incluindo três embaixadores e duas de suas esposas.

O acidente aéreo mais grave na história do país aconteceu em 2010, quando um Airbus 321 da companhia privada Airblue, que viajava de Karachi a Islamabad, caiu nas colinas pouco antes de pousar na capital, provocando a morte dos 152 ocupantes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos