Enviado da ONU pede retomada das conversas de paz na Síria

Nações Unidas, Estados Unidos, 9 dez 2016 (AFP) - O enviado da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, pediu nesta quinta-feira (8) que sejam retomadas o mais rápido possível as conversas para pôr fim a uma guerra de quase seis anos.

"Agora é realmente o momento de considerar seriamente a possível retomada das discussões políticas", disse De Mistura à imprensa, depois de uma reunião a portas fechadas do Conselho de Segurança da ONU.

O enviado mencionou a possibilidade de retornar à mesa de negociações, enquanto a Rússia anunciava que o Exército sírio deteve as operações militares com o objetivo de retirar civis da cidade de Aleppo.

Apoiadas pela Rússia, as forças sírias recuperaram quase 85% do leste de Aleppo, após três semanas de sangrentos combates para conquistar um dos últimos bastiões da oposição.

"As vitórias militares não são uma vitória para a paz, porque a paz precisa ser conquistada em separado", afirmou De Mistura.

O embaixador russo na ONU, Vitaly Churkin, disse esperar que as conversas de paz possam ser retomadas antes que o secretário-geral da organização, Ban Ki-moon, deixe o cargo, em 31 de dezembro.

A última rodada de conversas promovidas pela ONU terminou em abril passado, sem progressos sobre os assuntos-chave do futuro governo da Síria e sobre o destino do presidente Bashar al-Assad.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos