Coreia do Norte simula ataque à sede presidencial da Coreia do Sul

Seul, 11 dez 2016 (AFP) - O líder norte-coreano Kim Jong-Un conduziu um exercício militar simulado contra a Casa Azul, a sede da presidência da Coreia do Sul, anunciou a imprensa oficial.

A simulação militar das forças especiais norte-coreana - que foi realizada sob o olhar atento de Kim através de binóculos em um posto de observação - estava destinado a "destruir alvos específicos do inimigo", incluindo a Casa Azul, indicou a agência estatal norte-coreana KCNA.

O jornal Rodong Sinmun, do Partido dos Trabalhadores, publicou um relatório de duas páginas sobre os exercícios, no qual mostra o prédio similar à Casa Azul sendo invadido por tropas norte-coreanas, que ateam fogo a ele. Em outra foto, Kim ri com satisfação enquanto observa o exercício.

"Graças a este exercício de combate, nossas forças estenderam o mar de fogo", comenta a KCNA, que não precisa a data da simulação.

"Bem feito, as tropas inimigas não terão onde se esconder", declarou Kim, citado pela KCNA.

A intensificação de provocações por parte de Pyongyang coincide com a destituição na sexta da presidente Park Geun-Hye, envolvida num escândalo de corrupção.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos