Jovem é detido com faca e fogos de artifício na Trump Tower

Nova York, 13 dez 2016 (AFP) - Um jovem de 19 anos tentou entrar na segunda-feira (12) à noite na Trump Tower, onde reside Donald Trump, portando uma faca e fogos de artifício, informou a polícia de Nova York.

O jovem foi detido e acusado de posse criminal de arma e explosivos. Suas intenções não foram divulgadas.

É o primeiro incidente desse tipo desde que a Trump Tower, o arranha-céu que abriga a residência privada e a empresa imobiliária de Trump na Quinta Avenida, se converteu em atração mundial por causa da sua vitória na eleição presidencial de 8 de novembro.

Em um outro episódio, na quarta-feira passada, um motorista de caminhão foi detido quando tentava entrar à força na Quinta Avenida, fechada para caminhões desde a eleição. Foi acusado de comportamento perigoso e de não obedecer um policial.

Mesmo continuando aberta ao público, a Trump Tower, rodeada de lojas muito frequentadas na época de festas, é objeto de medidas drásticas de segurança desde que Trump começou a receber ali personalidades para organizar o seu governo.

O prefeito democrata de Nova York, Bill de Blasio, tenta conseguir o reembolso do custo dessas medidas de segurança em torno da Trump Tower, as quais devem somar 35 milhões de dólares em um período que vai de 8 de novembro até o início do mandato do presidente eleito, em 20 de janeiro. Ou seja, aproximadamente meio milhão por dia.

No momento, o Congresso americano só está disposto a reembolsar um quinto desse valor.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos