Egito entregará restos das vítimas do voo da EgyptAir (procurador)

Cairo, 17 dez 2016 (AFP) - O Egito vai devolver aos familiares os corpos das vítimas do avião da EgyptAir que caiu quando fazia a rota Paris-Cairo, no dia 19 de maio, anunciou neste sábado o procurador-geral egípcio.

O procurador ordenou a restituição das "vítimas egípcias" e afirmou que "atualmente está sendo coordenado com as embaixadas estrangeiras a entrega dos restos das demais vítimas" do acidente que deixou 66 mortos.

O voo MS804 caiu no mar entre Creta e o norte do Egito, após ter desaparecido dos radares.

O Egito, que sempre acreditou ter sido um atentado, anunciou nesta semana a descoberta de rastros de explosivos. Mas os investigadores franceses consideram um incidente técnico a causa mais provável da catástrofe.

Uma das duas caixas-pretas encontradas revelou que foram ativados os alertas de fumaça a bordo e captaram a palavra "fogo" antes da explosão do Airbus A320, além da ausência de reivindicação do atentado.

Nesta semana, o governo francês solicitou novamente ao Egito a devolução dos restos das vítimas francesas a seus familiares.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos