'Se o povo decidir, Evo continua', diz presidente da Bolívia

La Paz, 17 dez 2016 (AFP) - O presidente boliviano, Evo Morales, aceitou neste sábado sua nova indicação à presidência para as eleições de 2019, impulsionada pelo partido oficialista, apesar de, em fevereiro, um referendo ter negado a ele a possibilidade de buscar o quarto mandato.

"Se o povo decidir, Evo continua. Nenhum problema. Vamos derrotar a direita. Tantas vezes derrotamos a direita. Temos confiança nos movimentos sociais", disse o presidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos