Terremoto de 7,9 perto de Papua-Nova Guiné; fim do alerta de tsunami

Sydney, 17 dez 2016 (AFP) - Um terremoto de 7,9 de magnitude perto de Papua-Nova Guiné provocou o temor de tsunami neste sábado, mas poucas horas depois o alerta foi suspenso, anunciou o Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico (PTWC, na sigla em inglês).

O PTWC havia mencionado a a possibilidade de ondas de entre um e três metros nas zonas costeiras de Papua-Nova Guiné, Indonésia, Nauru, Ilhas Salomão, assim como na Nova Zelândia, mas a ameaça não se concretizou e o alerta foi cancelado.

O tremor aconteceu às 10H51 GMT (8H51 de Brasília) no mar, 60 km ao leste de Taron, uma localidade da ilha de Nova Irlanda, a 75 quilômetros de profundidade. A magnitude, que em um primeiro momento foi avaliada em 8,0, foi pouco depois revisada para 7,9 pelo Instituto de Estudos Geológicos dos Estados Unidos (USGS).

"Muitos habitantes desta região moram em casas vulneráveis a terremotos (...) é possível que tenha provocado feridos e danos", explicou o USGS em um boletim.

Os terremotos são frequentes em Papua Nova-Guiné, que fica próxima ao anel de fogo do Pacífico.

Na semana passada foram registrados dois tremores importantes na região, perto das Ilhas Salomão, que não provocaram danos importantes.

Em 2013, o arquipélago das Ilhas Salomão, onde vivem quase 500.000 pessoas, foi abalado por um terremoto de magnitude 8,0 e um tsunami que deixou pelo menos 10 mortos e milhares de desabrigados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos