Líbano forma novo governo presidido por Hariri

Beirute, 18 dez 2016 (AFP) - O Líbano formou neste domingo um novo governo de 30 ministros dirigido por Saad Hariri, que inclui o conjunto do espectro político libanês, à exceção do partido Falangista Cristão, que rejeitou a pasta que lhe havia sido proposta.

"É um governo de entendimento", afirmou Hariri. Formado seis semanas após a eleição do presidente Michel Aoun, conta com novos ministérios, como o da Luta contra a Corrupção, problema que assola a vida política libanesa, e, pela primeira vez, com uma Secretaria de Estado para a Mulher.

Em novembro, Aoun nomeou como premier Saad Hariri, um dos líderes políticos sunitas do país, e o encarregou de formar o novo governo.

Aos 46 anos, o filho do premier e multimilionário Rafic Hariri, assassinado em 2005, voltava a assumir o cargo que havia deixado há cinco anos.

sk-tgg/bpe/aoc/lmm/lb

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos