Rússia anuncia que seu embaixador na Turquia morreu após ataque

Moscou, 19 dez 2016 (AFP) - O embaixador russo em Ancara morreu nesta segunda-feira depois de ter sido baleado em um ataque na capital turca, informou o ministério das Relações Exteriores russo, descrevendo o incidente como um "ato terrorista".

"Hoje, em Ancara, como resultado de um ataque, o embaixador russo na Turquia, Andrei Karlov, faleceu", declarou a porta-voz do ministério, Maria Zakharova, em comentários televisionados, acrescentando que "qualificamos o que aconteceu como um ato terrorista".

"Os assassinos serão punidos", garantiu, segundo imagens da televisão pública Rossia 24.

A Rússia vai exigir a condenação deste ataque ante o Conselho de Segurança da ONU "ainda hoje", disse ela. "O terrorismo não prevalecerá", acrescentou, prestando homenagem a Andrei Karlov, "diplomata russo excepcional" e "personalidade que fez muito para lutar contra o terrorismo".

O governo americano condenou o ataque, segundo nota oficial do Departamento de Estado.

Segundo o comunicado, Washington "condena este ato de violência, qualquer que tenha sido a origem. Nossos pensamentos e orações estão com ele (o embaixador Andrei Karlov) e sua família".

Nenhuma fonte americana arriscou-se a antecipar qualquer sugestão sobre quem poderia estar por trás do ataque, que matou o embaixador.

Um homem armado, vestido com um terno preto, atirou contra o embaixador russo, gritando "Aleppo" e "Vingança", na abertura de uma exposição em Ancara, de acordo com testemunhas e meios de comunicação locais.

Segundo o prefeito de Ancara, Melih Gökçek, o suposto assassino do embaixador russo é um policial.

"O assassino é da polícia", declarou Gökçek em sua contra no Twitter, uma afirmação igualmente evocada pelo jornal pró-governo Yeni Safak, que identifica o atirador como um membro da polícia de choque.

Nascido em 1954, Andrei Karlov foi nomeado para o cargo em Ancara em julho de 2013.

O porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, disse vez que o presidente Vladimir Putin havia sido "informado" do ataque.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos