Presidente argentino tem alta após operação de cordas vocais

Buenos Aires, 20 dez 2016 (AFP) - O presidente da Argentina, Mauricio Macri, teve alta nesta terça-feira após se submeter a uma microcirurgia a laser para retirar um pólipo em uma corda vocal, informou o governo em um comunicado.

Macri, de 57 anos, foi submetido a uma "resseção de um pólipo na corda vocal esquerda que lhe provocava disfonia ante o uso intensivo/abusivo da voz", afirma a nota da Presidência.

A operação durou menos de dez minutos, e depois o presidente regressou à Casa Rosada (sede do governo) para continuar com suas tarefas, acrescentou o comunicado.

"A recomendação para o presidente é vida normal e cuidado com a voz", declarou a jornalistas o chefe da Unidade Médica Presidencial, Simón Salzberg, após a cirurgia.

Esta é a segunda vez que Macri é operado em seu primeiro ano de governo, desde que assumiu a presidência, em 10 de dezembro de 2015.

Em junho passado, o presidente foi submetido a uma cirurgia devido a um entorse no joelho sofrido enquanto jogava paddle.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos