Egito começa a devolver corpos de vítimas de acidente aéreo a familiares

Cairo, 31 dez 2016 (AFP) - O Egito começou a devolver os corpos das vítimas da catástrofe com o avião da EgyptAir, ocorrida no dia 19 de maio, às famílias, anunciou a companhia aérea neste sábado.

O voo MS804, que ligava Paris ao Cairo, caiu no Mediterrâneo depois de ter desaparecido dos radares. As 66 pessoas a bordo, incluindo 40 egípcios e 15 franceses, morreram no incidente. As causas da tragédia ainda são desconhecidas.

A EgyptAir indicou em um comunicado que começou a "supervisionar a entrega dos restos mortais dos membros da tripulação do voo MS804" as suas famílias.

E no domingo começará a devolver os corpos dos passageiros egípcios para seus parentes, acrescentou.

As autoridades egípcias entregarão, em seguida, os restos dos passageiros franceses e de outras nacionalidades, disse a EgyptAir, sem especificar nenhuma data para esta operação.

Além de egípcios e franceses, no avião viajavam dois iraquianos, dois canadenses e um cidadão de cada um destes países: Argélia, Bélgica, Chade, Reino Unido, Portugal, Arábia Saudita e Sudão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos