Veja os principais atentados do Estado Islâmico na Turquia

Paris, 2 Jan 2017 (AFP) - O grupo extremista Estado Islâmico (EI), que afirmou ter lançado o atentado mortífero contra a conhecida boate Reina de Istambul na noite de Ano Novo, reivindicou poucos atentados na Turquia, embora as autoridades atribuam a ele vários ataques.

A seguir, os principais ataques reivindicados ou atribuídos ao Estado Islâmico na Turquia:

- 2017 -- 1º de janeiro: 39 mortos, incluindo 26 estrangeiros, em um tiroteio em uma exclusiva discoteca de Istambul. O atirador, armado com um fuzil, disparou de forma indiscriminada contra as pessoas que celebravam o Ano Novo, antes de fugir.

O grupo Estado Islâmico afirmou em um comunicado divulgado nas redes sociais que o ataque foi cometido por um dos "soldados do califado".

Esta é a primeira vez que o grupo extremista assume a autoria de um ataque em Istambul.

- 2016 -- 4 novembro: nove mortos, incluindo dois policiais, em um atentado com carro-bomba diante de uma delegacia em Diyarbakir, localidade considerada a "capital" do sudeste da Turquia, de maioria curda. As autoridades atribuíram o ataque ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), mas na mesma noite o EI reivindicou a autoria e dois dias depois os Falcões da Liberdade do Curdistão (TAK, próximo ao PKK) fizeram o mesmo.

- 20 de agosto: 57 mortos em um atentado suicida não reivindicado em um casamento curdo em Gaziantep (sudeste), perto da fronteira com a Síria. O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, acusou o EI do massacre.

- 28 de junho : 47 mortos, entre eles vários estrangeiros, em um triplo atentado suicida no aeroporto internacional Atatürk de Istambul. As autoridades turcas apontaram o EI como o responsável.

- 1º de maio: morte de três policiais em um ataque com carro-bomba diante da sede central da polícia em Gaziantep. Ancara atribuiu a responsabilidade do ataque ao EI.

- 19 de março: morte de quatro turistas em Istambul (três israelenses e um iraniano) em um atentado suicida na famosa avenida Istiklal. As autoridades afirmaram que foi lançado pelo grupo Estado Islâmico.

- 12 de janeiro: morte de 12 turistas alemães em um atentado suicida em Sultanhamet, em pleno centro turístico de Istambul. As autoridades acusaram o EI.

- 2015 -- 10 de outubro: 103 mortos em um duplo atentado suicida durante uma manifestação pró-curda. A autoria deste ataque, o mais mortífero da história da Turquia, foi atribuída ao EI.

- 20 de julho: 34 mortos em Suruç, perto da fronteira com a Síria, em um atentado contra ativistas da causa curda. As autoridades culparam o EI.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos