Coalizão internacional apoia operação turca na Síria

Washington, 4 Jan 2017 (AFP) - Aviões militares da coalizão internacional contra o grupo Estado Islâmico (EI) apoiaram as forças turcas, na semana passada, em uma missão nos arredores da cidade síria de Al Bab, mas sem disparar contra os jihadistas, informou o Pentágono nesta terça-feira.

As forças turcas travam há várias semanas sangrentos combates contra o EI para recuperar Al Bab, e apesar dos pedidos do presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, não tinham recebido qualquer ajuda dos aviões da coalizão, que reprova a Turquia por sua ofensiva unilateral, sem a coordenação com os aliados.

A missão de apoio revelada nesta terça-feira marca um progresso nas relações entre as duas partes.

"Na semana passada houve um pedido (...) de apoio aéreo, quando algumas forças turcas foram atacadas, e a coalizão realizou voos naquele momento, mas não houve disparos, apenas uma demonstração de força", revelou o porta-voz do Pentágono Peter Cook.

"Seguimos conversando com o governo turco sobre o nível de apoio" que se concede na ofensiva sobre Al Bab. "É uma conversa em curso".

Os Estados Unidos apoiaram a primeira parte da ofensiva turca na Síria, em meados de 2016, mas temem que após a reconquista de Al Bab, os turcos se voltem contra a coalizão árabe-curda das Forças Democráticas Sírias (FDS), liderada pelos curdos.

Washington considera a FDS seu aliado mais eficiente na luta contra o EI na Síria, e neste momento o grupo lidera a ofensiva contra Raqa, a capital autoproclamada dos jihadistas na Síria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos