Sete mortos em incêndio em asilo de idosos na China

Pequim, 4 Jan 2017 (AFP) - Sete pessoas morreram nesta quarta-feira no incêndio em um asilo de idosos na China, onde as medidas de segurança costumam ser precárias em instituições deste tipo.

O fogo foi declarado durante a madrugada desta quarta-feira em um estabelecimento privado situado na província de Jilin (nordeste), segundo a agência oficial chinesa Xinhua.

Embora o incêndio tenha sido controlado em menos de meia hora, sete residentes faleceram. Outros 32 foram resgatados.

As autoridades abriram uma investigação para determinar as causas do incidente.

Em 2015, os 38 moradores de uma clínica privada em Henan (centro) perderam a vida em um incêndio que suscitou um forte debate na opinião pública, em um país onde os estabelecimentos para idosos são pouco controlados e são insuficientes para uma demanda cada vez maior.

Em 2015, foram registrados na China 338.000 incêndios, nos quais 1.742 pessoas morreram, segundo estatísticas governamentais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos