Hillary não participará de mais nenhuma eleição, indica conselheira

Washington, 8 Jan 2017 (AFP) - A perdedora das últimas eleições presidenciais americanas, Hillary Clinton, 69, não irá mais se candidatar a um cargo eletivo, afirmou neste domingo uma fonte do seu entorno.

"Acredito que ela irá encontrar formas de ajudar crianças e suas famílias nos próximos anos, é um compromisso para toda a sua vida", disse a presidente do think-tank Centro para o Progresso Americano, Neera Tanden, conselheira informal da candidata em sua última campanha.

"Mas não acredito que ela irá mais disputar uma eleição", indicou à rede de TV CNN.

Muito próxima de Hillary, Neera respondeu assim a um artigo do "New York Times" que especulava se Hillary disputaria a prefeitura de Nova York.

Hillary não abandonou totalmente a vida pública desde a derrota para Donald Trump, em 8 de novembro. Participou de dois eventos públicos e fez algumas publicações no Twitter.

Ela é esperada na próxima terça-feira no Departamento de Estado, em Washington, onde irá inaugurar uma sala de exposições com seu nome. Segundo seu entorno, ela assistirá à posse de Trump, no próximo dia 20.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos