Governo da Colômbia e ELN se reúnem no Equador para reativar processo de paz

Quito, 14 Jan 2017 (AFP) - O governo da Colômbia e a guerrilha do ELN mantiveram nesta sexta-feira uma primeira reunião, no Equador, visando fixar uma data para o início formal das negociações de paz, anunciaram as duas partes.

"Já houve uma reunião. Amanhã prosseguiremos (...) desde o início do dia", disse à AFP uma fonte do governo colombiano, sem dar mais detalhes.

"A reunião de hoje foi breve e muito positiva", escreveu o ELN em sua conta do Twitter.

Fontes ligadas às conversações e meios locais informaram que a reunião, inicialmente prevista para a terça-feira passada, ocorreu em uma fazenda na região da cidade Ibarra, 115 km ao norte de Quito.

O governo de Juan Manuel Santos e o Exército de Libertação Nacional (ELN) tinham previsto instalar uma mesa pública de conversações em 27 de outubro passado, em Quito, após diálogos preliminares em janeiro de 2014, mas as discussões acabaram bloqueadas pela exigência de libertação do ex-congressista Odín Sánchez, em poder dos rebeldes, e do indulto a dois guerrilheiros presos.

As duas exigências serão abordadas pelas delegações visando desbloquear o processo e fixar uma data para a instalação da fase pública das negociações.

jm-sp/lr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos