Mais de 30 mortos em combates entre o exército sírio e extremistas em Deir Ezzor

Beirute, 14 Jan 2017 (AFP) - Mais de 30 membros das forças do governo e do grupo extremistas Estado Islâmico (EI) morerram neste sábado em um ataque jihadista no leste da Síria, anunciou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Pelo menos 12 soldados do regime e 20 combatentes do EI morreram nesta ofensiva da organização jihadista contra posições do governo na cidade, de acordo com o OSDH.

O grupo EI, que controla 60% de Deir Ezzor, lançou esta manhã uma ofensiva para tomar os setores nas mãos do regime, de acordo com o OSDH.

"Esta é a ofensiva mais importante lançada pelo EI desde que conquistou grandes setores de Deir Ezzor" em 2014, indicou o diretor do Observatório, Rami Abdel Rahman.

O grupo extremista controla a maior parte da província de Deir Ezzor e em 2014 assumiu o controle de grandes áreas da cidade de mesmo nome.

Desde janeiro de 2015, cerca a zona em mãos do governo na cidade, localizada no oeste do país, onde 100.000 pessoas vivem, de acordo com a ONU.

A província de Deir Ezor, na fronteira com o Iraque, é a única província da Síria quase inteiramente nas mãos do EI.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos