Naufrágio deixa oito mortos e vários desaparecidos no Mediterrâneo

Roma, 14 Jan 2017 (AFP) - Um novo naufrágio ao norte da costa líbia teria deixado mais de 100 desaparecidos, segundo relato de quatro resgatados - informou a Guarda Costeira italiana neste sábado (14), acrescentando que oito imigrantes foram encontrados mortos.

"Hoje, podemos informar que os corpos de oito pessoas foram recuperados. Outras quatro pessoas puderam ser resgatadas. Elas disseram que, no total, 107 imigrantes estavam a bordo da embarcação", disse à AFP o serviço de imprensa da Guarda Costeira italiana, que coordena as operações de resgate no Mediterrâneo.

As operações de resgate continuavam no cair da noite, apesar das más condições meteorológicas e do mar, completou a mesma fonte.

Um navio militar francês, que participa do dispositivo da Frontex, a agência encarregada das fronteiras exteriores da UE, recuperou os sobreviventes. Dois navios mercantes foram desviados para a zona do naufrágio, cerca de 50 km ao norte da costa líbia.

Um avião da Frontex e um helicóptero da Marinha italiana também participavam das operações de resgate.

Na sexta, 550 pessoas foram socorridas em várias operações lançadas no Mediterrâneo. Duas vítimas também foram encontradas, de acordo com os agentes da Guarda Costeira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos