Hamas chama de absurda conferência de Paris sobre o Oriente Médio

Gaza, Territórios palestinos, 16 Jan 2017 (AFP) - O movimento islamita palestino Hamas chamou nesta segunda-feira a conferência de Paris, organizada pela França na véspera para relançar os esforços de paz entre israelenses e palestinos, de "absurda".

"A conferência de Paris reproduz o absurdo enfoque das negociações, ignorando os direitos do povo palestino e legitimando a presença da entidade sionista no território palestino", declarou em um comunicado Fwazi Barhoum, porta-voz do movimento em Gaza.

O Hamas governa a Faixa de Gaza, território palestino encravado entre Israel, Egito e o Mediterrâneo. O movimento islamita, que travou três guerras entre 2008 e 2014 com Israel, recusa-se a reconhecer este último como Estado e renunciar à violência.

Fawzi Barhoum pediu às diferentes organizações palestinas que se unam em favor de uma "estratégia nacional" e de "resistência para defender o nosso povo".

Cerca de 70 países reafirmaram no domingo, em Paris, o seu compromisso em favor de uma solução de dois Estados coexistindo, um israelense e outro palestino, para encerrar o conflito histórico.

sa-jod/lal/feb/pa/mb/mr/mvv

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos