Kerry classifica como inapropriadas críticas de Trump a Merkel

Londres, 16 Jan 2017 (AFP) - O secretário de Estado americano, John Kerry, classificou como inapropriadas as declarações do presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a "corajosa" chanceler alemã, Angela Merkel.

Em uma escala em Londres, antes de seguir para o Fórum Econômico de Davos, na Suíça, que será sua viagem de despedida à frente da diplomacia americana, Kerry deu uma entrevista ao canal de televisão CNN.

Indagado sobre as polêmicas declarações feitas por Trump em uma entrevista ao jornal britânico The Times e ao alemão Bild, Kerry defendeu a União Europeia, Merkel e a política alemã sobre os refugiados.

"Acho, francamente, que foi inapropriado para um presidente eleito dos Estados Unidos se envolver nos assuntos de outros países de maneira tão direta", lamentou Kerry.

"Ele terá que responder por isso", advertiu Kerry. "A partir de sexta-feira será o responsável por essa relação diplomática", reforçou.

"Acho que devemos ser muito prudentes antes de dizer que um dos líderes mais poderosos na Europa (...) cometeu um erro", acrescentou.

Na entrevista, Trump declarou que a Otan, aliança liderada pelos Estados Unidos, era "obsoleta", considerou que o Reino Unido teve razão de sair da União Europeia e classificou como um "erro catastrófico" a generosa política de Merkel com os refugiados.

"Acho que (Merkel) foi extremamente corajosa", acrescentou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos