Oslo proíbe temporariamente veículos a diesel para conter poluição

Oslo, 16 Jan 2017 (AFP) - Oslo proibirá na terça-feira a circulação de veículos a diesel na cidade para conter um pico de poluição do ar, uma medida que causou polêmica entre os motoristas, que há alguns anos foram incentivados a comprar este tipo de automóveis.

A proibição, que será implantada nas vias municipais mas não nos grandes eixos nacionais que atravessam a capital norueguesa, deve ser mantida até quinta-feira, quando se espera que melhorem as condições atmosféricas, anunciou a prefeitura de Oslo no domingo à noite.

Aqueles que não respeitarem a proibição poderão ser multados em até 1.500 coroas (166 euros).

É a primeira vez que Oslo adota esta proibição, decidida em fevereiro de 2016 pela maioria municipal, que agrupa trabalhistas e ecologistas. Apesar de emitirem menos dióxido de carbono (CO2), os motores a diesel expulsam muito mais dióxido de nitrogênio (NO2).

O anúncio provocou indignação em alguns motoristas, que em 2006 foram estimulados pelas autoridades norueguesas a optar pelos motores a diesel, que nesse momento eram considerados menos prejudiciais ao meio ambiente que os a gasolina.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos