Colômbia: Santos anuncia acordo com guerrilla ELN para iniciar diálogo de paz

Davos, Suíça, 18 Jan 2017 (AFP) - O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, anunciou nesta quarta-feira (18), em Davos, que seu governo e o Exército de Libertação Nacional (ELN), única guerrilha ativa do país, chegaram a um acordo para iniciar diálogos de paz para pôr fim a mais de meio século de conflito armado.

"Eu posso lhes dizer que chegamos a um acordo", disse o presidente em entrevista coletiva, informando que "já foi acordado" o ponto sobre a libertação de um ex-congressista em poder dessa guerrilha de esquerda. Essa situação manteve a mesa de negociações em suspenso desde o final de outubro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos