Ex-premiê francês leva tapa no rosto e processará agressor

Lamballe, França, 18 Jan 2017 (AFP) - O ex-primeiro-ministro e candidato às primárias da esquerda para a presidencial francesa, Manuel Valls, esbofeteado na região da Bretanha (oeste), anunciou nesta quarta-feira que vai abrir um processo contra seu agressor.

Na véspera, quando saudava um grupo de pessoas na saída da prefeitura da cidade de Lamballe, um homem que apertou sua mão tentou esbofeteá-lo aos gritos de "Estamos na Bretanha", antes de ser contido pelos seguranças.

Valls, procurando manter a compostura, reagiu pouco depois ao incidente. "Sempre haverá indivíduos que querem impedir que a democracia se pronuncie. A democracia não pode ser violenta", afirmou à imprensa.

Posteriormente, indicou que vai processar seu agressor, já que "não se deve deixar passar um ato violento".

O agressor bretão se encontra detido.

Este é o segundo incidente deste tipo pelo qual Valls passa.

Em 22 de dezembro, o espanhol, naturalizado francês, foi agredido com farinha por um opositor durante um comício em Estrasburgo (leste).

bur-meb/pa/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos