Obama comuta penas de 330 detentos na véspera de partir da Casa Branca

Washington, 19 Jan 2017 (AFP) - O presidente americano, Barack Obama, comutou nesta quinta-feira as penas de 330 pessoas, a maior parte traficantes de drogas, número recorde para apenas um dia, na véspera de sua saída da Casa Branca.

É a segunda medida deste tipo tomada por Obama nesta semana, incluindo a surpreendente decisão de comutar a pena da soldado transgênero Chelsea Manning, condenada a 35 anos de prisão por vazar mais de 700 mil documentos secretos para o WikiLeaks.

Originalmente ela seria libertada em 2045, mas agora sairá em maio.

O presidente perdoou outras 64 pessoas na terça-feira - incluindo um general reformado que era peça-chave da primeira equipe de segurança nacional - e comutou a pena de 208 prisioneiros, além de Manning.

O anúncio de Obama desta quinta-feira aumenta o número de comutações para um total de 1.715, um recorde em relação a outros presidentes americanos. Ele libertou 568 presos condenados à prisão perpétua.

A maioria dos beneficiados - réus primários - cumpria longas sentenças por crimes de menor gravidade relacionados às drogas. Obama há muito tempo havia pedido para corrigir o que chama de injustiça sistemática sob um sistema penal, agora amplamente criticado por distribuir excessivamente sentenças mínimas obrigatórias.

O presidente, que defende penas alternativas para esse tipo de crime, pediu repetidamente, e sem sucesso, que o Congresso ampliasse a reforma da justiça criminal.

Mais de 2,2 milhões de pessoas estão atrás das grades nos Estados Unidos, incluindo dependentes químicos e indivíduos com comprometimento neurológico, que muitas vezes fazem parte de minorias desfavorecidas.

Especialistas criticam o sistema penal pelo alto número de reincidência em um país cujo número de presos é muito maior do que o de qualquer outro país desenvolvido.

O Departamento de Justiça tem trabalhado nas últimas semanas na revisão de todas as aplicações da lei. Mais de 16 mil casos já foram analisados desde abril de 2014.

O sucessor de Obama, Donald Trump, tomará posse como presidente em uma cerimônia na sexta-feira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos