Mergulhador sobrevive a ataque de tubarão de 4 metros na Austrália

Sydney, 22 Jan 2017 (AFP) - Um experiente mergulhador teve a sorte de sobreviver ao ataque de um tubarão de quatro metros de comprimento em uma remota zona próxima à Grande Barreira de Corais, na Austrália, indicaram neste domingo fontes médicas.

O mergulhador, de 55 anos, estava praticando mergulho no sábado 60 milhas náuticas a leste da ilha de Murray quando foi atacado por um tubarão-touro.

"Sofreu graves mordidas em seu braço esquerdo, e outros ferimentos no estômago", indicou à AFP David Cameron, um membro do serviço de ambulâncias de Queensland.

O homem foi levado de lancha à ilha de Murray, em um trajeto de mais de três horas a partir do lugar onde ocorreu o ataque, onde recebeu atendimento médico.

Atualmente sua situação é estável, e será submetido neste domingo a uma cirurgia, segundo Cameron.

"Há vários tipos de tubarões perto da ilha de Murray, mas o tubarão-touro (também conhecido como tubarão-cabeça-chata, Carcharhinus leucas) pode ser muito agressivo, razão pela qual o mergulhador teve muita, muita sorte", disse.

Embora os tubarões habitem esta zona - um paraíso para mergulhadores e pescadores de lagosta - os ataques a humanos são incomuns, acrescentou Cameron.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos