Sete pessoas são executadas no Kuwait, incluindo um príncipe

Cidade do Kuwait, 25 Jan 2017 (AFP) - Sete pessoas condenadas à morte no Kuwait em casos de crimes comuns, incluindo um membro da família real dos Al-Sabah e três mulheres, foram enforcadas nesta quarta-feira, sendo as primeiras execuções desde junho de 2013, anunciou um porta-voz da Procuradoria Geral.

Uma das três vítimas é uma kuwaitiana que havia sido condenada por atear fogo a uma tenda em um casamento, matando dezenas de mulheres e crianças.

As outras duas são de nacionalidade filipina e etíope.

O xeque Faisal Abdullah Al-Jaber Al-Sabah foi condenado por ter assassinado a tiros um outro membro da família governante.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos