Trump manterá proteção a LGBTs no âmbito trabalhista

Washington, 31 Jan 2017 (AFP) - O presidente Donald Trump continuará protegendo os direitos de lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros em seus locais de trabalho, informou a Casa Branca nesta terça-feira.

A ordem executiva assinada pelo então presidente Barack Obama em 2014, que protege os funcionários "da discriminação anti-LGBT em seus empregos, quando trabalham para empresas federais, será mantida intacta por ordem de Donald J. Trump".

Membros da comunidade gay e lésbica dos Estados Unidos expressaram temores de represálias sob a administração Trump pela presença de ultraconservadores em seu governo, que têm antecedentes de ser contrários ao casamento entre pessoas do mesmo sexo e outros direitos.

O comunicado da Casa Branca foi emitido no mesmo dia em que Trump disse que anunciará seu candidato a ocupar a vaga na Suprema Corte de Justiça.

Trump prometeu designar um conservador.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos