Guerrilha colombiana ELN anuncia libertação de seu refém

Bogotá, 2 Fev 2017 (AFP) - A guerrilha do Exército de Libertação Nacional, a última ativa na Colômbia, anunciou nesta quinta-feira a libertação do ex-congressista Odín Sánchez, em seu poder desde abril passado, e pediu a entrega de dois rebeldes indultados pelo governo.

A entrega desses homens é condição para iniciar os diálogos de paz na próxima semana.

"A comissão humanitária do ELN cumpriu com sua palavra de entregar o sr. Odín. Esperamos nossos dois indultados já!", indicou o ELN, em mensagem na conta do Twitter de sua rádio oficial, a ELN Ranpal.

A rádio divulgou na véspera fotos dos membros da guerrilha e dos "fiadores de Equador, Noruega, Chile, Cuba e a Igreja [católica]", embarcando no avião do aeroporto Mariscal Sucre de Quito, com destino à Colômbia, para verificar as "libertações simultâneas".

d/raa/spc/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos