Chileno se mata com filha de um ano ao pular da janela de hospital em Madri

Madri, 3 Fev 2017 (AFP) - Um chileno se matou nesta sexta-feira com a filha de um ano se jogar por uma janela de um hospital de Madri no qual a criança havia recebido alta médica.

A tragédia aconteceu às 8H30 locais. A menina de um ano, que nascera prematura, "acabara de receber alta hospitalar", aforma um comunicado do Hospital da Paz, zona norte da capital espanhola.

Durante uma visita "aconteceu uma discussão entre o pai e a mãe", ambos chilenos, afirmou uma fonte policial à AFP. Por alguma razão desconhecida, o pai, de 27 anos, pegou a criança no colo e pulou do quarto andar, uma altura de quase 12 metros, segundo o hospital.

Uma equipe do centro médico "tentou imediatamente reanimá-los, mas ambos faleceram", informou o hospital.

"O caso está nas mãos da justiça e da polícia", afirmou a instituição.

De acordo com um funcionário do hospital, a menina passou alguns dias internada na unidade de pediatria, por uma doença sem gravidade, que a fonte não revelou alegando sigilo médico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos