Macri criticado por usar helicóptero oficial para buscar a esposa no Uruguai

Buenos Aires, 3 Fev 2017 (AFP) - A imagem da primeira-dama argentina, Juliana Awada, subindo ao helicóptero presidencial no exclusivo balneário uruguaio de Punta del Este provocou nesta sexta-feira críticas, reprovocações e piadas contra o presidente.

Awada, sua filha e um acompanhante pegaram o helicóptero oficial da presidência no Aeroporto de Laguna del Sauce, em Punta del Este, e de lá voltaram para Buenos Aires, segundo o jornal uruguaio El País.

A notícia ganhou os noticiários argentinos e as redes sociais, que aproveitaram o fato para recordar o uso de aviões oficias por parte da família Kirchner, que esteve no poder nos últimos 12 anos.

"Mauricio Macri parece seguir os passos de sua antecessora no questionado uso dos bens do Estado para o transporte de familiares", criticou o jornal El Clarín.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos