Famílias sírias voam para os EUA após suspensão de decreto anti-imigração

Beirute, 5 Fev 2017 (AFP) - Várias famílias sírias embarcaram este domingo no aeroporto de Beirute para os Estados Unidos, após a suspensão do decreto que bloqueia a entrada no país de cidadãos de sete países, entre eles a Síria.

"Várias companhias aéreas autorizaram neste domingo cidadãos dos sete países afetados pelo decreto a viajar aos Estados Unidos de Beirute", afirmou a Agência nacional de informação (ANI).

A ANI informou aos viajantes que têm os documentos oficiais que lhes permite "entrar nos Estados Unidos transitando por países europeus e árabes". Não há voos diretos de Beirute para os Estados Unidos.

Os sírios geralmente usam o aeroporto de Beirute para viajar para o exterior por causa da guerra em seu país e pela falta quase total de voos de Damasco.

Uma fonte da companhia libanesa MEA afirmou à AFP que autorizou cidadãos dos sete países a embarcar nos voos com destino aos Estados Unidos.

Uma corte de segunda instância americana negou neste domingo o restabelecimento da aplicação do decreto migratório que bloqueia a entrada nos Estados Unidos de nacionais de sete países muçulmanos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos