Abbas: lei israelense a favor das colônias é agressão contra palestinos

Paris, 7 Fev 2017 (AFP) - O presidente palestino, Mahmud Abbas, afirmou nesta terça-feira, em Paris, que a nova lei que autoriza declarar como terras israelenses terrenos particulares palestinos na Cisjordânia é uma "agressão contra o povo palestino".

A nova lei a favor dos colonos, denunciada como um crime de guerra por seus detratores, provoca indignação entre os palestinos e os pacifistas.

Pouco depois da adoção da lei, na madrugada desta terça, os palestinos pediram de imediato à comunidade internacional que sancione Israel.

Os defensores dos direitos humanos e da causa palestina anunciam, além disso, que apelarão ao Supremo Tribunal israelense para que o texto seja anulado.

O Parlamento israelense aprovou a polêmica lei que legaliza dezenas de colônias judaicas construídas em territórios privados na Cisjordânia ocupada.

ha-mat/meb/mb/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos