Bombardeios deixam 26 mortos na cidade síria de Idleb

Beirute, 7 Fev 2017 (AFP) - Pelo menos 26 pessoas, incluindo dez civis, foram mortos nesta terça-feira em ataques aéreos contra alvos extremistas na cidade síria de Idleb, no noroeste do país, informou uma ONG.

"Dez ataques da coalizão liderada pelos Estados Unidos ou por aviões russos foram lançados nesta terça-feira contra sedes da Fatah Al-Sham [ex-braço sírio da Al-Qaeda] em Idleb e áreas circundantes, matando 26 pessoas, incluindo dez civis, a maioria mulheres", afirmou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

"Várias pessoas estão sob os escombros", acrescentou o OSDH.

Em 21 de janeiro, um bombardeio americano matou mais de uma centena de combatentes da Al-Qaeda na Síria em um "campo de treinamento" na província de Idleb, de acordo com os Estados Unidos.

Um funcionário do Pentágono havia afirmado à AFP que os combatentes mortos faziam parte do "núcleo duro" da Al-Qaeda.

Em um primeiro momento, os ataques americanos na Síria se concentraram contra o grupo Estado Islâmico, mas há meses os ataques contra a Al-Qaeda, ou Fateh Al-Sham, se multiplicaram.

A província de Idleb é em grande parte controlada pelo Fateh Al-Sham, aliado sírio de vários grupos rebeldes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos