Capital síria do grupo Estado Islâmico ficará isolada em breve (EUA)

Washington, 8 Fev 2017 (AFP) - A autoproclamada capital do grupo extremista Estado Islâmico (EI), a cidade síria de Raqa, ficará quase isolada do resto do mundo em breve, assegurou nesta quarta-feira um porta-voz militar da coalizão internacional contra o EI.

"Esperamos que nas próximas semanas a cidade fique quase completamente isolada", informou o coronel americano John Dorrian, falando em videoconferência de Bagdá.

A cidade não ficará totalmente sitiada, mas será "muito difícil entrar ou sair dela", disse.

A coalizão contra o EI fecha progressivamente o cerco contra os extremistas no Iraque e na Síria.

A cidade de Mossul, no Iraque, foi parcialmente recuperada pelas forças iraquianas, que ainda devem conquistar os bairros ocidentais da segunda cidade do país.

Raqa é o próximo grande alvo da coalizão. Uma aliança curdo-árabe, apoiado pela aviação da coalizão, as Forças Democráticas Sírias (FDS), iniciou a ofensiva avançando rumo à cidade a partir do norte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos