Trump ordena investigação sobre vazamento de dados à imprensa

Washington, 16 Fev 2017 (AFP) - O presidente americano, Donald Trump, anunciou nesta quinta-feira ter pedido ao Departamento de Justiça que investigue o vazamento de dados sensíveis à imprensa, o que considerou um "ato criminoso".

"Liguei para o Departamento de Justiça para que se dedique a (indagar sobre) estes vazamentos. São atos criminosos. São (dados) vazados por pessoas dentro das agências", disse Trump, ao mencionar os detalhes de suas conversas com o presidente do México, Enrique Peña Nieto, divulgados à imprensa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos