Ultradireitista holandês ataca 'escória marroquina' em início de campanha

Spijkenisse, Holanda, 18 Fev 2017 (AFP) - O deputado holandês da extrema-direita Geert Wilders lançou neste sábado sua campanha para as legislativas de março com um ataque contra "a escória marroquina", a qual disse querer expulsar do país para "devolvê-lo ao povo holandês".

"A escória marroquina na Holanda... é claro, nem todos são escória, mas há muita escória marroquina na Holanda que deixa nossas ruas perigosas, sobretudo jovens... e isso tem que mudar", declarou Wilders à imprensa na pequena cidade de Spijkenisse, ao sul de Rotterdam.

As pesquisas situam Wilders na liderança das intenções de voto para a eleição legislativa de 15 de março.

"Se querem recuperar seu país, se querem tornar a Holanda um país para os holandeses, seu país, então votem" em seu Partido da Liberdade (PVV), lançou.

Segundo as últimas pesquisas, o PVV poderia ganhar entre 24 e 28 cadeiras, duas ou quatro a mais que o atual partido governante, a formação liberal do primeiro-ministro Mark Rutte. O Parlamento holandês tem 150 cadeiras.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos