Metade dos carros vendidos na Noruega são elétricos ou híbridos

Oslo, 6 Mar 2017 (AFP) - Metade dos veículos vendidos na Noruega no primeiro bimestre de 2017 eram elétricos ou híbridos, anunciaram na segunda-feira as autoridades do país, exportador de petróleo, que se propõe a proibir em 2025 a venda de automóveis com motores que funcionam apenas à base de combustíveis fósseis.

"O setor de transportes é o maior desafio na política climática da próxima década. Devemos reduzir as emissões em ao menos 40% e (...) isso só é possível eletrificando o parque automotivo", disse à AFP o ministro do Clima e Meio Ambiente, Vidar Helgesen.

Um de cada seis automóveis vendidos no primeiro bimestre do ano na Noruega eram exclusivamente elétricos, e outros dois de cada seis eram híbridos (com dois motores, um elétrico e outro de combustível tradicional, para reduzir o nível de emissões), segundo dados do Conselho de Informação sobre Tráfego Viário.

"É importante demonstrar que é possível conseguir uma transição tecnológica e uma transformação do transporte. Desde este ponto de vista, a Noruega é um laboratório político onde demonstraremos que é possível avançar rápido" disse Helgesen.

Os avanços tecnológicos, com automóveis exclusivamente elétricos a preços acessíveis com mais de 250 quilômetros de autonomia real e que podem ser recarregados em meia hora, deram impulso às vendas e a políticas fiscais de estímulo, reduzindo os impostos dos carros "limpos" e aumentando aos de gasolina ou diesel.

phy/hh/aro/mb/eg/db

TESLA MOTORS

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos