Os Bálcãs poderiam se transformar em campo de provas das grandes potências

Bruxelas, 6 Mar 2017 (AFP) - Os Bálcãs correm o risco de "se transformarem no cenário de um jogo entre as grandes potências", disse nessa segunda-feira a chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini.

Os Bálcãs estão "expostos a diferentes níveis de tensão e desafios", disse Mogherini, que na semana passada visitou Montenegro, Macedônia, Albânia, Sérvia, Bósnia-Herzegovina e Kosovo.

A representante das Relações Exteriores europeia disse que "algumas dinâmicas políticas internas criam tensões (...) Algumas tensões, regionais, interétnicas ou entre países são extremamente perigosas porque poderiam fazer a região regredir".

Mas a região também está "exposta às tensões globais. Os Bálcãs podem facilmente se transformar no cenário de um jogo entre as grandes potências", disse Mogherini quando perguntada sobre a interferência russa no local.

A prova da "preocupação" que esse assunto gera na Europa é que os Chefes de Estado e de governo dos 28 países vão analisar a situação na zona durante a cúpula de quinta-feira em Bruxelas.

Nessa reunião será confirmado que a "UE mantém seu compromisso para garantir a estabilidade e aprofundar os laços políticos e econômicos" com essa região, segundo um projeto de texto final que a AFP teve acesso.

mt-bmm-mb/gm/cr/cc

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos