Pentágono critica ação "pouco profissional" da Marinha iraniana

Washington, 7 Mar 2017 (AFP) - O Pentágono criticou na segunda-feira à noite o comportamento "pouco profissional" da Marinha iraniana, após dois incidentes registrados no Estreito de Ormuz na semana passada.

De acordo com o Pentágono, uma fragata iraniana se aproximou na quinta-feira a 150 metros do navio USNS Invincible, tripulado por civis.

No sábado, várias pequenas embarcações de ataque se aproximaram a 350 metros do Invincible e de outros navios, completou o Pentágono.

"Isto foi avaliado como uma combinação de comportamento inseguro ou pouco profissional", disse o porta-voz do Pentágono, o capitão Jeff Davis.

Nos dois casos, o navio americano teve que alterar o rumo para evitar uma colisão, explicou o militar.

O USNS Invincible está equipado com radares potentes que acompanham a trajetória de mísseis balísticos.

O prefixo "USNS" implica que o navio pertence à Marinha de Guerra americana, mas não está armado ou possui apenas armamento leve. Geralmente são navios de apoio.

wat-lby/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos