Oito policiais afegãos morrem envenenados por agentes talibãs infiltrados

Oito policiais afegãos morreram envenenados por talibãs infiltrados, informaram fontes oficiais neste sábado (11).

O Talibã reivindicou a responsabilidade pela operação, que ocorreu no distrito de Nawshar, na província de Zabul, no sul do Afeganistão, na sexta (10).

"Os infiltrados primeiro envenenaram seus colegas e depois atiraram", afirmou à AFP um porta-voz provincial, Gul Islam Seyal, que disse que os agressores fugiram com armas e munições.

O governador de Zabul, Bismillah Afghanmal, anunciou a abertura de uma investigação.

Um porta-voz do Talibã, Zabihullah Mujahid, disse em uma mensagem aos meios de comunicação que foram outros agentes que realizaram o ataque.

Ataques de infiltrados, como soldados ou policiais, são uma das principais preocupações do regime durante a guerra civil que dura 15 anos, por desmoralizarem as forças de segurança.

Em um incidente semelhante no mês passado, um policial afegão ligado ao Talibã matou 11 de seus colegas na província de Helmand. E no mês passado dois soldados afegãos supostamente ligados ao Talibã mataram cerca de 12 companheiros que estavam dormindo na província de Kunduz.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos