Estado alemão de Sarre proíbe campanhas de dirigentes estrangeiros

Berlim, 14 Mar 2017 (AFP) - O Estado federado alemão de Sarre anunciou nesta terça-feira que proibirá a qualquer dirigente político estrangeiro a organizar comícios em seu território, depois da polêmica causada pelas reuniões políticas de ministros turcos na Alemanha e Holanda.

"Em função do atual debate sobre a campanha eleitoral de membros do governo turco na Alemanha, Sarre tomará as medidas necessárias para proibir tais eventos em solo sarrense", indicou o governo desta região fronteiriça com a França.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos