Washington pede à Coreia do Norte indulto para estudante americano

Em Washington

  • Xinhua/Lu Rui

    16.mar.2016 - O estudante americano Otto Frederick Warmbier chega a tribunal para julgamento em Pyongyang (Coreia do Norte)

    16.mar.2016 - O estudante americano Otto Frederick Warmbier chega a tribunal para julgamento em Pyongyang (Coreia do Norte)

Washington solicitou nesta terça-feira (14) à Coreia do Norte que indulte um estudante americano condenado a 15 anos de trabalhos forçados por roubar um cartaz em um hotel de Pyongyang.

O Departamento de Estado pediu a "libertação imediata" de Otto Warmbier, um estudante da Universidade da Virgínia de 20 anos, no momento em que o chefe da diplomacia americana, Rex Tillerson, visita Japão, Coreia do Sul e China para discutir os programas de mísseis balísticos e nucleares de Pyongyang.

"Acreditamos que a condenação a 15 anos de trabalhos forçados é excessivamente dura para o que Warmbier fez e pedimos à Coreia do Norte que o perdoe, lhe conceda uma anistia excepcional e o liberte imediatamente por razões humanitárias", declarou o porta-voz da diplomacia americana Mark Toner.

Washington também pediu à embaixada da Suécia, que faz serviços consulares para cidadãos americanos na Coreia do Norte, que entre em contato com o estudante.

Warmbier foi condenado em 16 de março do ano passado pela Suprema Corte norte-coreana a 15 anos de trabalhos forçados depois de roubar um cartaz com slogan político em uma área reservada aos funcionários do hotel em Pyongyang onde estava alojado.

O Departamento de Estado aproveitou a oportunidade para orientar seus cidadãos a não viajar ao país comunista, com o qual não tem relações diplomáticas.

Em abril passado, um missionário sexagenário com nacionalidade americana e norte-coreana, chamado Kim Dong-Chul, foi condenado a dez anos de trabalhos forçados por espionagem.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos