Maduro chama secretário-geral da OEA de 'lixo'

Caracas, 16 Mar 2017 (AFP) - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, chamou nesta quarta-feira o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos, Luis Almagro, de lixo, e prometeu responder com firmeza às tentativas de suspender Caracas da OEA.

"Diante da agressão deste traidorzinho e inepto chamado Luis Almagro, a Venezuela não vai ficar de braços cruzados e nem calada. Vamos falar grosso. Ninguém ameaça a Venezuela, muito menos este lixo", afirmou Maduro.

Na véspera, Almagro condenou a omissão regional diante da crise política e econômica na Venezuela e defendeu a suspensão de Caracas da OEA caso não ocorram eleições gerais no país, como exige a oposição.

"Responderemos em todos os planos - políticos e diplomáticos - para defender a dignidade da Venezuela, porque nos apoia a razão", disse Maduro na TV.

"Quantas intervenções e golpes de Estado serão validados pela OEA? Todos?! Tem sido o ministério da Colônia do império americano".

No documento, uma versão atualizada do relatório apresentado por Almagro em junho passado, o secretário- geral da OEA condena a "omissão" dos países da região e pede ao Conselho Permanente - que reúne os 34 países-membros - "resultados concretos para restaurar a democracia" na Venezuela.

"O governo venezuelano tornou sua Constituição um papel sem valor; a voz do povo venezuelano foi silenciada e encarcerada, e por todo o país se difunde a corrupção e o narcotráfico".

Os artigos 20 e 21 da Carta Democrática Interamericana, aprovada por todos os países em 2001, faculta a OEA a intervir em casos de alteração constitucional.

Segundo estes instrumentos, no caso do fracasso de gestões diplomáticas uma Assembleia Geral da OEA poderá decidir, com voto afirmativo de dois terços dos membros, a suspensão do país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos