Secretário de Estado americano visita a Ásia em plena crise norte-coreana

Tóquio, 15 Mar 2017 (AFP) - O chefe da diplomacia americana desembarca nesta quarta-feira em Tóquio para sua primeira viagem pela Ásia, onde persiste a ameaça do programa balístico e nuclear da Coreia do Norte.

O secretário de Estado Rex Tillerson, que se reunirá de 15 a 19 de março com autoridades do Japão, Coreia do Sul e China, se comprometeu a manter a firmeza contra o regime de Kim Jong-un.

O ex-CEO do grupo petroleiro ExxonMobil também deve falar sobre comércio, depois dos discursos belicosos de Donald Trump durante a campanha eleitoral, que provocaram o temor de uma guerra comercial com a China.

Mas fontes americanas também ressaltaram que as provocações de Pyongyang estarão "na linha de frente e no centro" da reunião de quinta-feira de Tillerson com o primeiro-ministro japonês Shinzo Abe e o ministro das Relações Exteriores Fumio Kishida.

O regime de Kim Jong-un lançou ao menos quatro mísseis balísticos em direção ao Japão. Após dois testes nucleares em 2016, os últimos disparos mostraram que Pyongyang tem em seu alvo as bases americanas no arquipélago nipônico, incluindo a costa pacífica do noroeste dos Estados Unidos.

Como primeiro alerta para a Coreia do Norte, Washington e Tóquio acabam de realizar exercícios navais no Mar da China Oriental, onde, além disso, Pequim e Tóquio disputam a soberania de um arquipélago.

O chefe da diplomacia americana viajará na sexta-feira a Seul, capital sul-coreana que poderia ser atingida pela artilharia e lança-mísseis da Coreia do Norte. Ele se reunirá com o presidente interino Hwang Kyo-ahn e o ministro das Relações Exteriores Yun Byung-se.

Rex Tillerson encerrará sua primeira viagem asiática em Pequim, aliado e protetor de Pyongyang, onde poderia, segundo a imprensa, anunciar um encontro em breve do presidente chinês Xi Jinping com o presidente Donald Trump nos Estados Unidos.

dc-uh/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos