Trump se compara ao presidente populista Andrew Jackson

The Hermitage , United States, 16 Mar 2017 (AFP) - Donald Trump elogiou nesta quarta-feira o primeiro presidente populista dos Estados Unidos, ao colocar uma coroa de flores sobre o túmulo de Andrew Jackson e dissertar sobre as semelhanças entre os dois.

Trump visitou a casa de "Old Hickory" no Tennessee, também conhecido como The Hermitage, no dia do aniversário de 250 anos de nascimento de Jackson, que governou os EUA de 1829 a 1837.

Trump elogiou "a enorme" vontade de Jackson de enfrentar "uma elite arrogante" e, ignorando o discurso preparado, exclamou: "isto não lhes parece familiar?!"

"Me pergunto por que seguem falando de Trump e Jackson, de Jackson e Trump. Ah, conheço essa sensação, Andrew".

Desde que chegou à Casa Branca, em janeiro, a equipe de Trump trata de fazer comparações entre ele e o lendário presidente democrata.

Nascido em um povoado isolado em 1767, Jackson ficou órfão na adolescência e ganhou fama de valente, após ser ferido por um soldado britânico por se recusar a lustrar suas botas e por matar um homem em um duelo.

Mas ao contrário de Trump, Jackson não era um estranho na política. Antes de chegar à Casa Branca atuou no Tennessee, sendo congressista, senador, juiz e até general.

A reputação de Jackson foi manchada nos últimos anos por críticas a seu temperamento e por ter usado a força para remover os povos nativos de suas terras.

O departamento do Tesouro decidiu recentemente substituir a imagem de Jackson na nota de 20 dólares pela da heroína dos direitos dos negros Harriet Tubman.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos