Cerca de 3.000 migrantes são resgatados em frente à costa da Líbia

Roma, 19 Mar 2017 (AFP) - Cerca de 3.000 pessoas foram resgatadas neste domingo no Mediterrâneo em frente à costa da Líbia, indicou a Guarda Costeira italiana, que coordena as operações.

"É o que chamamos de um fenômeno de concentração: após alguns dias tranquilos, os migrantes chegam em grande número, aproveitando condições meteorológicas favoráveis", comentou um responsável da Guarda Costeira.

O Aquarius, um barco humanitário fretado pelas ONGs SOS Mediterrâneo e Médicos Sem Fronteiras (MSF), indicou ter resgatado 946 pessoas desde o início da manhã, entre eles 200 menores.

Um vídeo difundido pelo MSF mostra crianças dançando, sorridentes, a bordo do barco. Os migrantes resgatados pelo Aquarius navegavam à deriva em nove barcos de madeira e botes infláveis.

Segundo estatísticas do governo italiano, entre 1º de janeiro e 17 de março, 16.206 pessoas foram resgatadas no mar, em comparação com os 11.911 migrantes salvos no mesmo período de 2016.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos