Dez soldados egípcios mortos em explosões no Sinai

Cairo, 23 Mar 2017 (AFP) - Dez soldados egípcios morreram nas explosões de duas bombas durante confrontos com extremistas do grupo Estado Islâmico (EI) na península do Sinai, informou nesta quinta-feira o exército.

Quinze jihadistas morreram nos combates, completou o exército, sem informar a data dos confrontos.

As duas bombas foram colocadas à margem da estrada e explodiram durante os combates combates, que começaram quando o exército atacou um refúgio dos jihadistas.

Desde que o exército destituiu o presidente islamita Mohamed Mursi em 2013, militares e policiais são atacados com frequência pelos jihadistas, especialmente no norte do Sinai, reduto do braço egípcio do EI.

Centenas de policiais e soldados morreram nos ataques jihadistas, a maioria ao norte do Sinai, segundo as autoridades.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos